Atualmente, muito tem se falado sobre a função do professor dentro da educação, sua importância para o aluno e para a sociedade em geral. Cada vez mais estamos nos inserindo em uma sociedade que valoriza o conhecimento e reconhece que o papel do professor no processo de aprendizagem de uma criança ou de um adulto é essencial para aperfeiçoarmos a educação como um todo.

A Sociologia da Educação é a área que estuda os processos de aprendizagem dentro de diferentes contextos sociais, como organizações e instituições criadas com o objetivo de integrar os indivíduos e ensinar conhecimentos úteis para a vida. Além disso, a Sociologia da Educação estuda a relação entre educador e aluno de forma mais profunda, procurando entender suas consequências para a sociedade.

Você quer saber mais sobre o que é Sociologia? Confira o nosso curso online que aborda os autores clássicos, a globalização, as relações de trabalho e, até mesmo, os problemas sociológicos atuais, o Curso Online Sociologia Geral.

Quer saber o que os grandes escritores clássicos têm a dizer sobre a Sociologia da Educação? Continue lendo esse artigo e saiba mais sobre nosso Curso Online Sociologia da Educação.

O que é Sociologia e quem são seus pensadores

Os autores clássicos são importantes, pois conseguimos extrair deles as ideias e as soluções para os problemas que temos de lidar na atualidade. Émile Durkheim, Karl Marx e Max Weber são considerados, por muitos estudiosos, os três mais importantes pensadores da Sociologia, levando o título de clássicos não somente por serem pioneiros nesta ciência, mas também por elaborarem teorias que ajudam a responder questões tanto de suas épocas quanto da atualidade.

Aqui no Foco Educação Profissional nós oferecemos cursos online com certificado sobre esse e outros assuntos relacionados à área da Educação e das Ciências Humanas. Você aprenderá numa linguagem prática e acessível o que é sociologia e seus autores clássicos e atuais. Além disso, oferecemos mais de um curso de sociologia online para você!

Com este curso de sociologia, você estudará os autores clássicos e o que eles têm a dizer sobre Sociologia e educação. Vamos começar por aquele que é considerado o pai da Sociologia, o francês Émile Durkheim.

A Sociologia de Émile Durkheim e sua concepção de educação

Nascido em Épinal, França, no ano de 1858, Durkheim sempre teve a educação como uma de suas maiores preocupações. Influenciado pelo positivismo, corrente filosófica que estabelecia os avanços científicos como o único caminho para o progresso da humanidade, o sociólogo enxergava professores e alunos como sendo os principais personagens nesse progresso. Para Durkheim, o conhecimento necessário para as mudanças que a sociedade necessita está nas mãos do sistema escolar.

Para explicar a sociedade, Durkheim utiliza uma analogia bastante simples. A sociedade é como um organismo vivo que possui órgãos e estes, por sua vez, preenchem funções. Esta teoria que procura explicar a sociedade por meio de suas funções leva o nome de funcionalismo e tem como principal idealizador este sociólogo.

Em nossos cursos online você aprenderá, de forma simples e didática, a escola funcionalista e muitas outras teorias de Émile Durkheim. Você sabia, por exemplo, que foi Durkheim o primeiro a criar um curso de Sociologia na Europa? Isso mesmo. Após publicar a obra As Regras do Método Sociológico, Émile Durkheim se tornou o primeiro professor de sociologia da França!

Émile Durkheim tinha a visão de que a sociedade precisa estar em harmonia. Não é à toa que ele e outros sociólogos funcionalistas utilizam bastante o termo "anomia", um estado em que o indivíduo perde sua identidade, sentindo-se sem objetivos e regras a cumprir. A anomia acontece quando o mundo passa por transformações, como a chegada de novas tecnologias e máquinas que substituem o trabalho humano.

Se você quer saber mais sobre como a globalização influencia a educação de uma criança, o Foco Educação Profissional oferece muitos cursos a distância e um deles aborda este tema, o Curso Online A Criança e a Globalização.

O nosso portal não oferece apenas este curso de Sociologia online. São oferecidos muitos cursos online com certificado para você se atualizar e se aprimorar nessa área tão fascinante que é a educação!

É devido ao problema da anomia na sociedade que Durkheim se preocupa com a educação. Para o sociólogo, a educação pode trazer benefícios para a sociedade, pois é no processo educativo que a geração de jovens aprende a socializar com a geração de adultos, conhecendo tanto as leis naturais quanto as leis da sociedade. A socialização dessas gerações faz com que os indivíduos se sintam integrados e tenham objetivos comuns.

Se você ainda quiser saber mais sobre Durkheim, não deixe de fazer o nosso Curso Online Sociologia da Educação, que, além de ter mais informações sobre esse importante autor, promove uma visão geral de Sociologia e educação. E o melhor de tudo é que ofertamos este curso na forma de cursos a distância, para que você estude onde e como quiser.

Se Émile Durkheim pesquisou e desenvolveu teorias sobre aquilo que une a sociedade, o oposto ocorre com outro pensador, o filósofo e revolucionário Karl Marx, que tentou entender a sociedade a partir do conflito entre as classes sociais.

Cursos relacionados que podem te interessar:

A Sociologia de Karl Marx e o papel revolucionário da educação

Karl Marx nasceu no ano de 1818, em Tréveris, Reino da Prússia, sendo atualmente uma cidade da Alemanha. Por escrever sobre diversos temas, levou títulos de filósofo, economista, jornalista, historiador, escritor e inclusive sociólogo, apesar de não ter uma formação em Sociologia na universidade. Além de todos esses títulos, Marx foi também um revolucionário socialista, tendo grande envolvimento com a política.

Podemos perceber a importância de Karl Marx, pois, além de ser um intelectual completo, encontramos seus estudos em diversas áreas do conhecimento.

Ao contrário de Émile Durkheim, Karl Marx não desenvolveu uma teoria da educação. Porém, é possível encontrar questões a respeito da educação ao longo de suas obras. Para o filósofo alemão, a educação tem um papel importantíssimo na transformação da sociedade.

Na época em que Karl Marx escrevia sua maior obra, O Capital, a Europa passava por uma Revolução Industrial que trazia uma série de problemas sociais, conflitos entre trabalhadores e patrões, além das fábricas que tomavam o espaço da produção artesanal.

Karl Marx, ao longo de sua vida e em suas obras, foi um crítico do sistema de economia capitalista. Ele observou que, apesar de o sistema capitalista trazer riquezas aos países, também criava um abismo de desigualdade econômica e social entre os patrões que eram donos das terras e indústrias e os trabalhadores, cuja única propriedade era sua força de trabalho.

Se você quiser saber mais sobre as ocorrências sociais do homem, trabalho e o seu processo de produção, não deixe de fazer um de nossos cursos online, o Curso Online Sociologia do Trabalho. Nele, são discutidos esses temas e a economia e o desemprego. Além desse curso de sociologia online, o nosso portal oferece vários outros cursos em muitas outras áreas!

Com nosso curso de Sociologia você poderá se aprofundar ainda mais nas obras de Karl Marx. Você sabia que o revolucionário alemão não só tenta explicar o sistema de economia capitalista, como também propõe um novo modelo social e econômico? Segundo o filósofo Karl Marx, uma revolução deve ser feita pelos trabalhadores com o objetivo de eliminar as classes sociais e, dessa forma, acabar com as desigualdades.

o que é sociologia

Mas você pode estar se perguntando: o que sociologia e educação têm a ver com tudo isso? Bem, como já dissemos, Karl Marx não escreveu uma teoria da educação. Não existe uma obra sua tratando única e exclusivamente sobre o tema. O que podemos encontrar são referências em diversas obras sobre o papel da educação no processo de transição do sistema capitalista para o comunismo.

Na concepção de Karl Marx, o sistema escolar como conhecemos é organizado para cumprir a função de tornar a exploração dos trabalhadores pelos patrões capitalistas algo natural. Para acabar com essa dominação da classe capitalista, é necessário que os trabalhadores desenvolvam uma consciência de classe, isto é, que estejam cientes de sua condição de explorados e que se organizem para lutar contra a classe capitalista.

Anos mais tarde, surgia na Alemanha outro sociólogo preocupado com sua época. Seu nome é Max Weber e, ao contrário de Karl Marx, que se preocupava em analisar o capitalismo a partir do conflito de classes, Weber buscou abordar o assunto partindo da ação dos indivíduos e como estas causavam as mudanças sociais.

Os certificados do Foco Educação Profissional podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

A Sociologia compreensiva de Max Weber e os tipos de educação

Max Weber nasceu em Erfurt, na Alemanha, no ano de 1864, sendo o mais jovem entre os clássicos da Sociologia. Para Weber, as Ciências Sociais possuem uma característica principal que as diferenciam das Ciências Naturais. Esta característica é a interpretação e, por isso, sua Sociologia se chama “compreensiva”.

Para Weber, as organizações são ações sociais que têm por objetivo coordenar as atividades humanas de uma maneira constante no tempo e no espaço. Se você tem interesse por essa parte da Sociologia, oferecemos um curso online sobre o poder nas organizações, os tipos e os modelos sociológicos, o Curso Online Ciências Sociais nas Organizações.

Não se esqueça do nosso Curso Online Sociologia da Educação, que oferece muito mais informações sobre os principais autores da Sociologia e como ela está ligada ao processo de ensino e de aprendizagem!

A vantagem de fazer um curso online no nosso portal se deve ao fato de ele ser completamente a distância. Temos também a opção de obtenção de certificado e é você quem escolhe a carga horária do certificado, podendo variar entre 5 até 360 horas.

Além disso, o Foco Educação Profissional é conhecido nacionalmente por oferecer cursos online com certificado com altíssima qualidade!

A ideia de Weber é compreender as estruturas sociais a partir das ações dos indivíduos. Em sua obra, essas ações são chamadas de “ações sociais” e são divididas em 4 “tipos ideais”: ação racional com relação a fins, ação racional com relação a valores, ação afetiva e ação tradicional.

Os “tipos ideais” criados por Weber são categorias que ajudam a organizar a realidade social pois, para o sociólogo, só podemos ver a realidade a partir de recortes e de diferentes pontos de vista, e os tipos ideais são um instrumento para analisar a sociedade.

O sociólogo Max Weber, assim como Karl Marx, discute uma variedade de temas: filosofia, economia, direito, ciência política, administração e, é claro, sociologia. Embora o autor não tenha se aprofundado no tema, podemos ter uma boa ideia do que ele pensava sobre a educação através de um de seus estudos intitulado Os Letrados Chineses.

Podemos encontrar três tipos ideais de educação na obra de Max Weber. São eles:

  • A educação carismática, que consiste em uma forma de os educadores despertarem o carisma dos aprendizes, uma qualidade mágica ou heroica que já nascia com eles.
  • A educação especializada, onde os educadores treinam os aprendizes para atividades úteis à sociedade, como trabalhos na indústria, nos escritórios, oficinas e exército.
  • A educação humanística, onde Weber cita como exemplo os “letrados chineses”, que eram ensinados a se tornarem homens cultos e com o conhecimento da literatura chinesa, dos rituais e das cerimônias.

Sabemos que todo o Ocidente sofreu uma enorme influência da Grécia Antiga. Max Weber demonstrou que essa influência é vista hoje em dia na racionalização social e isso está presente na educação moderna. O sociólogo compara a educação que era dada na Grécia Antiga com a educação dada por outros povos e religiões da mesma época.

Segundo Weber, ao contrário do cristianismo, judaísmo, islamismo e das religiões da Índia, cuja educação era dada por clérigos e monges treinados em literatura, na Grécia Antiga, a educação estava nas mãos de pessoas leigas. Além disso, a forma de escrita grega os ajudou a desenvolver uma filosofia racional.

Max Weber destacou, em Os Letrados Chineses, que a filosofia chinesa não tinha um caráter especulativo e sistemático como a filosofia da Grécia Antiga, e que também não se dedicava profissionalmente à lógica, algo presente na filosofia grega e que influenciou tanto as filosofias do Ocidente quanto as do Oriente Médio.

Apesar de Max Weber pouco ter escrito sobre a educação, sua Sociologia contribuiu muito para a área, influenciando autores contemporâneos que se dedicaram ao tema da educação utilizando suas ideias. Se você quiser mais informações sobre a Sociologia e educação e seus pensadores clássicos e contemporâneos, não se esqueça de fazer nosso Curso Online Sociologia da Educação.

O Foco Educação Profissional já foi aprovado por mais 140 mil alunos e oferece mais de 1000 cursos a distância para você! E o melhor de tudo é que o investimento é de apenas R$ 69,90 por ano, e você pode fazer todos os cursos online do nosso Pacote Master!

Se você gostou do post, entendeu o que é sociologia da educação e quer saber mais informações, inscreva-se já no nosso portal para começar a estudar e a se aperfeiçoar cada vez mais! Não se esqueça de comentar e compartilhar o nosso post com seus amigos!