Acidentes domésticos, maus súbitos, incêndios e outras inúmeras tragédias, tem algo em comum: elas são totalmente imprevisíveis e inesperadas. Você pode sair do trabalho todo animado em uma sexta-feira, se preparando para o final de semana, sem nem um kit primeiros socorros no carro, e em uma esquina se deparar com vítimas de um acidente de transito feridas no chão. A situação pode se agravar ainda mais se você é amigo ou familiar do acidentado, já que seu emocional ficará ainda mais abalado. Você sabe como deveria agir neste momento? Omitir socorro é crime segundo a lei 2848 de 40, porém tentar ajudar de forma equivocada pode piorar ainda mais a situação da vítima e nestas condições, qualquer erro pode ser fatal.

Indicamos cursos online, com ele você terá a oportunidade de aprender diversas técnicas de primeiros socorros, que serão de grande importância e utilidade caso algo indesejado acontecer. Outra ótima vantagem de fazer um curso de primeiros socorros aqui no Foco Educação Profissional é que você cria sua própria rotina de estudos e pode assistir as aulas online de onde quiser no horário em que sua agenda permitir. Nós preparamos este artigo para você que é leigo no assunto saber como agir em uma situação de emergência. Confira:

Primeiros Socorros: tudo que você precisa saber

Acidentes de trânsito

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o país com maior número de mortes no trânsito por habitante da América do Sul. Em 2013, foram registrados mais de 41 mil óbitos decorrentes destas circunstâncias. São 23,4 acidentes para cada 100 mil habitantes. Mesmo com estes dados alarmantes é muito comum que as pessoas não saibam quais os procedimentos devem seguir. Aprenda agora como prestar os primeiros socorros em 5 passos e não deixe de fazer cursos a distância para adquirir ainda mais conhecimento.

1. Sinalize o local do acidente

Conforme citamos anteriormente, imagine que você está indo embora do seu trabalho, e se depara com um acidente de trânsito e não tem noções de primeiros socorros. Bom, neste momento, você deve manter a calma e mentalizar que não tem controle nenhum sobre o que já ocorreu. Os conhecimentos adquiridos em cursos online serão de grande importância, afinal de contas nos sentimos mais preparados para agir como sabemos exatamente o que deve ser feito.

Após o acidente, é primordial que você sinalize a área para que outros motoristas visualizem o ocorrido. Utilize o pisca alerta e o triangulo de sinalização. Lembrando que a distância mínima deste equipamento é de 30 metros do acidente, segundo o Código de Trânsito Brasileiro. Se deseja aumentar ainda mais a segurança do local, coloque o triangulo a uma distância correspondente a via em que ele está. Se o acidente ocorrer em uma avenida com velocidade de 50 km/h, por exemplo, o objeto deve estar posicionado a 50 metros do acidente.

2. Informe o acidente e peça ajuda especializada

Depois de ter sinalizado o local do acidente, é extremamente importante que você acione o socorro para as vítimas, e de detalhes aos agentes de saúde, como endereço e condições gerais do ocorrido. Mas onde ligar? Na verdade, isto vai depender do atendimento que a cidade em que ocorreu o acidente disponibiliza. Em alguns casos, você precisará ligar para o SAMU (192), Bombeiro (193), Polícia Militar (190), ou para a concessionária da rodovia, caso o acidente tenha ocorrido no trecho de uma estrada privatizada.

Cursos relacionados que podem te interessar:

3. Verifique as condições das vítimas

Após acionar o socorro, verifique em que estado as vítimas se encontram. É extremamente importante que você espere a equipe especializada e não tente retirar o acidentado do automóvel, qualquer movimento equivocado pode trazer fraturas irreversíveis ao indivíduo ferido. Só tome a atitude de retirá-lo em caso de extrema urgência, quando há risco de incêndio no carro, por exemplo, mas lembre-se de certificar que esta ação será segura para você e não trará riscos a sua integridade física.

4. Cuidados com a vítima

Agora é a hora de ter o contato diretamente com a vítima e prestar os primeiros socorros efetivos. É sempre bom lembrar, que o seu papel neste momento não é o de médico, portanto não faça nada complexo ou fora de seu entendimento. Mesmo que você já tenha o curso de socorrista, não se esqueça que o seu objetivo principal é simplesmente tentar manter a pessoa viva, ou na melhor condição possível até que a equipe especializada chegue e de andamento aos procedimentos.

Em um primeiro momento, tente conversar com o acidentado, se ele te responder é um ótimo sinal, pois indica que está consciente e respirando. Se for este o caso, tente acalma-lo, se apresente, diga que você tem noções de primeiros socorros e peça permissão para ajuda-lo. Também, avise que você acionou o socorro e em breve os especialistas chegarão.

Porém, se a pessoa estiver desacordada, você deverá checar se ela está respirando. Aproxime seu ouvido ao nariz e boca da vítima e tente ouvir o som da respiração. Também verifique se há pulsação. Coloque seus dedos médio e indicador no pulso da vítima, na linha do polegar dela e faça uma leve flexão para verificar se sente os batimentos.

Lembramos também, que mesmo que a respiração do indivíduo esteja normal, é aconselhável verificar se não há nada desobstruindo suas vias aéreas e respiratórias. Abra a boca, analise se não há nada atrapalhando, retire se necessário, e, com muito cuidado, deixe a cabeça dele virada de lado, isto fará com o acidentado não se engasgue com a própria saliva ou sangue. Não se esqueça de analisar se a língua da vítima não está dificultando sua respiração. Para informações mais detalhadas conheça o curso de Primeiros Socorros, se você gosta desta área, invista em cursos online com certificado, está é uma ótima maneira de dar um UP na sua carreira, veja também o Curso Online A Enfermagem e o Processo de Cuidar.

5. Faça a massagem cardíaca e verifique os ferimentos da vítima

Se observar que não há pulsação, respiração ou ambos, é hora da massagem cardíaca. Ela deve ser feita no tórax, na mesma linha dos mamilos bem no meio do peito da vítima. Coloque uma mão sobre a outra, se posicione em um ângulo de 90 graus e faça 30 movimentos para baixo com profundidade de cerca de 5 centímetros. Depois faça a respiração boca a boca. Tampe o nariz do acidentado abra sua boca e a assopre por duas vezes. Repita todo o procedimento até que o indivíduo volte a respirar e sua pulsação esteja normalizada.

O próximo procedimento é verificar os ferimentos da vítima. Deixe as lesões expostas para agilizar o trabalho da equipe médica. Porém, é extremamente importante, que você respeite a intimidade e privacidade do acidentado. Apenas deixe a mostra lesões em partes do corpo que não o deixarão constrangido, jamais exponha partes intimas. Esta prática deverá ser realizada apenas pelos especialistas em um ambiente reservado.

Quer mais dicas? Conheça o curso de Primeiros Socorros, com ele você irá aprender muitas técnicas que poderão ajudar a salvar vidas. Além disso, investindo em cursos ead você terá a oportunidade de conhecer mais sobre os mais diversos assuntos relacionados a área da saúde.

Acidentes domésticos

Segundo o portal Brasil, os acidentes domésticos são as principais causas de mortes em crianças até 9 anos de idade. Para você ter uma ideia, em 2010, foram 11,6 mil internações de crianças por este tipo de acidente. Por isto, é essencial que os pais tenham noções de primeiros socorros para saber o que fazer caso algo inesperado aconteça dentro de suas próprias residências.

Assim como as crianças, os idosos também merecem atenção e cuidados muito especiais. Afinal de contas, qualquer descuido com utensílios de cozinha, eletrodomésticos ou com o próprio piso, podem causar acidentes doméstico bem graves. Realize cursos EAD e aprenda a lidar melhor com as pessoas da terceira idade. Confira o Curso Online Cuidados com Idosos  e conheça as técnicas para cuidar dos seus velhinhos queridos, além disto, com cursos à distância você se capacita no conforto do seu lar sem precisar deixar o idoso enquanto estuda.

Casos de queimaduras

Para realizar os primeiros socorros de queimadura, é importante que você saiba identificar a gravidade dos ferimentos através de uma escala de três graus:

- Queimaduras de primeiro grau: são as menos agressivas, a pele fica apenas avermelhada no local queimado;

- Queimaduras de segundo grau: um pouco mais graves que as de primeiro grau, sua maior característica são a formação de bolhas;

- Queimaduras de terceiro grau: são as mais evasivas, podem comprometer desde a camada superficial da pele e em alguns casos mais severos chegam aos ossos da vítima.

Neste tipo de ocorrência, não precisa realizar muitos procedimentos, apenas tente resfriar o local lavando-o com água corrente por 5 minutos. Outra opção é colocar um pano limpo e úmido sobre o mesmo. Você também pode passar um hidratante bem suave se não houver ferimentos. Leve a vítima imediatamente ao hospital mais próximo para receber os cuidados específicos.

O que NÃO fazer em caso de queimaduras?

Tão importante quanto saber o que fazer ao prestar os primeiros socorros com acidentes que envolvem queimadura, é saber o que NÃO deve ser feito. Veja as nossas dicas:

• Jamais siga aquelas receitas caseiras de passar creme dental, margarina, pó de café, etc. Estes procedimentos só pioram a queimadura;

• Caso o tecido da roupa grude no ferimento, não puxe em hipótese alguma, ou poderá abrir uma ferida ainda maior. Se achar necessário, apenas corte o pano ao redor do machucado;

• Não estoure as bolhas;

Se a queimadura for decorrente de um choque elétrico, é extremamente importante que você desligue a chave geral de energia imediatamente, e não toque na vítima. Ao encostar nela, você também poderá receber a descarga elétrica.

Para prevenir possíveis acidentes, indicamos que você utilize proteção em todas as tomadas de sua casa, para que crianças não coloquem o dedo no local.

Evite o uso de equipamentos como o adaptador, ao ligar vários aparelhos elétricos neste objeto, ele poderá receber mais energia do que a potência da tomada é capaz de suportar. Isto pode ocasionar aquecimento excessivo e risco de incêndio.

Deixe sempre os cabos das panelas viradas para o lado interno do fogão, assim não corre o risco de alguém bater e derrubar o utensílio e causar um acidente.

Já se a queimadura for decorrente de produtos químicos o mais indicado é colocar a vítima embaixo do chuveiro, para que o produto saia da pele o mais rápido possível. Existem alguns casos que os componentes químicos reagem em contato com a água e maximizam o poder da queimadura, porém são produtos mais raros, normalmente encontrados em laboratórios e que provavelmente você não terá em sua casa.

Segurança é extremamente importante em todos os lugares. Por isto além de fazer o curso de socorrista é interessante que você também estude as técnicas utilizadas em empresas e indústrias. Conheça o Curso Online Segurança do Trabalho - Fundamentos Essenciais  e aprenda como minimizar os riscos de acidente no seu ambiente de trabalho, se preferir opte pelos cursos online com certificado, assim, além do aprendizado, você terá a oportunidade de enriquecer seu currículo.

Cortes e fraturas

Quedas feias no banheiro, cortes profundos com faca na cozinha, um objeto que cai na cabeça de alguém, são situações que infelizmente acontecem no nosso cotidiano e nos deixam perplexos, mas o que fazer nesta hora? No caso de cortes, o mais indicado é lavar o ferimento com água corrente e sabão e colocar um pano limpo em cima no corte e o comprima até estancar o sangramento. Mesmo que a pessoa diga que está bem, não deixe de leva-la ao hospital, principalmente quando algo caiu nela ou houve alguma batida forte. Se ela machucou a cabeça por exemplo, é necessário fazer uma tomografia para verificar se a pancada não afetou ou vasos cerebrais. Fique atento e corra para o médico caso ela sinta sintomas como:

• Sonolência excessiva;

• Dores fortes de cabeça

• Vômitos;

• Dificuldades ao falar;

• Confusão mental;

Estes são sintomas de complicações neurológicas que podem ser muito graves e até fatais.

Já em caso de fraturas, é importante que você imobilize a região e a coloque sobre algo rígido. O ideal é usar uma tala e a amarrar ao ferimento para que não haja movimentação. Se você não tiver este objeto, pode improvisar com um pedaço de madeira ou papelão dobrado. Sua extensão deverá alcançar desde a articulação abaixo até a acima da fratura. Exemplo: se a vítima fraturou o antebraço, a "tala" deverá dar suporte ao mesmo, além do punho e cotovelo. Faça tudo com muita cautela e cuidado, não tente recolocar o membro, isto deverá ser feito apenas pelo médico especialista.

Para saber ainda mais sobre este tema, faça cursos a distância. Conheça o Curso Online Cuidados Aplicados às Feridas - Noções Gerais  com ele você irá aprender a realmente tratar ferimentos e fazer curativos.

Os certificados do Foco Educação Profissional podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Preciso ter o kit de primeiros socorros em casa?

Mesmo tomando todas as precauções necessárias, infelizmente os acidentes acabam acontecendo, por isto, indicamos que você adquira um kit primeiros socorros. Eles são facilmente encontrados em farmácias e são vendidos por cerca de 50 reais. No kit, deve conter:

• Curativos esterilizados;

• Tesoura sem ponta;

• Esparadrapo;

• Gazes esterilizadas

• Algodão, fita adesiva, ataduras;

• Tesoura

• Soro fisiológico

• Luvas descartáveis;

• Medicamentos analgésicos, anti-inflamatórios, antitérmicos, entre outros;

Embora não seja um item obrigatório, é muito importante que você leve o kit primeiros socorros em viagens ou adquira um para deixar sempre no seu automóvel. Infelizmente não sabemos quando um acidente pode acontecer e se estiver precavido, medidas simples podem garantir nossa sobrevivência e de pessoas que amamos.

Curso de Primeiros Socorros

Adquira mais conhecimento, faça o curso de Primeiros Socorros, com ele você aprenderá muitas técnicas que te auxiliarão em momentos complicados como em um acidente. Além disto, se optar por cursos online com certificado, você poderá intensificar a qualidade de seu currículo. 

Faça agora mesmo a sua inscrição no Foco Educação Profissional, investindo apenas R$69,90 por ano, você terá acesso integral a todos os mais de 750 cursos do Pacote Master. Você terá a oportunidade de estudar quantos cursos online quiser, sem pagar nada a mais por isso. 

E você, já fez curso de socorrista? Conhece alguma técnica eficiente de primeiros socorros? Deixe seu comentário, nós do Foco Educação Profissional, iremos ficar felizes em te responder.